Endereço e Contato

ENDEREÇO: Rua João Paz de Lima, 277, Centro
CEP: 58887-000
CIDADE: BOM SUCESSO - PB.
FONE: (83) 3448-1129

05 setembro 2013

CSPB comemora 55 anos com homenagem da Câmara Federal; FETASP PB se fez presente com a sua delegação

0 comentários
Uiramir Veloso, Fernando Borges, Manoel Leite e Israel Alves

CSPB comemora 55 anos com homenagem da Câmara Federal

w2O deputado federal Roberto de Lucena (PV/SP) promoveu sessão Solene em homenagem à Confederação dos Servidores Públicos do Brasil (CSPB) que completou 55 anos no dia 29 de agosto. A sessão foi no Plenário Ulisses Guimarães da Câmara dos Deputados, nesta sexta-feira (30).


Na mesa estavam presentes o deputado federal, Roberto de Lucena (PV/SP), que presidiu a sessão no lugar do presidente da casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB/RN), o presidente da CSPB, João Domingos, o representante do Ministério do Trabalho, Carlos Arthur Barboza, a secretária sub-regional da ISP, Mônica Valente, o secretário-geral da CSPB, Lineu Mazano, o deputado constituinte e ex-diretor da CSPB, Geraldo Campos (PSDB/DF), e o diretor adjunto de assuntos da área federal da CSPB, Hélio de Mello, sindicalista que está na luta pelos trabalhadores desde 1950 e que foi homenageado durante a cerimônia.

w3Segundo o deputado Roberto de Lucena é um prazer realizar essa sessão solene, pois a Confederação é a única legítima na representação dos servidores públicos. “É uma enorme satisfação acolher essa homenagem à Confederação dos Servidores Públicos do Brasil. Os agentes do serviço público têm desempenho fundamental em cada uma das esferas municipal, estadual e federal. A concretização de mudanças não se faz sem um servidor comprometido; e para isso devem ser oferecidas boas condições de trabalho. A eficiência dos serviços depende de uma gama de fatores, o servidor deve estar motivado, treinado e apto para exercer suas funções e a CSPB está na luta por condições de trabalho decente para os servidores”.
O deputado destacou ainda, que oito anos antes da fundação da CSPB ocorreram lutas e protestos para a criação de uma instituição representativa dos servidores públicos. Ele lembrou que em 22 de setembro de 1952 foi criada a União Nacional dos Servidores Públicos, que juntamente com a União dos Previdenciários do Brasil deu origem à Confederação dos Servidores Públicos do Brasil que completou 55 anos no dia 29 de agosto.

w4O representante do Ministério do Trabalho e Emprego, Carlos Arthur Barboza, destacou os anos de Chumbo da Ditadura Militar onde a CSPB foi firme na luta pela liberdade. “O sonho foi desfeito pelo Golpe Militar que jogou por terra os anseios da população. Nessa época foi possível observar toda a grandeza da CSPB, que se agigantou nos momentos mais difíceis. Essa instituição foi a única que com sua luta, ousou por duas vezes desafiando o regime militar caminhando nesse país com uma campanha de anistia ampla, geral e irrestrita”.

A secretária sub-regional da ISP, Mônica Valente, destacou como é importante a colaboração da CSPB para criar um país mais justo e democrático. “Eu ouvi uma frase dizendo que os sindicatos são também os guardiões da democracia, assim como essa casa, o Congresso Nacional. Se a gente observar a história da CSPB para o nosso país, ela foi uma das guardiãs da democracia, é por isso que eu a parabenizo por seu papel de importância na história desse país. Além disso, a CSPB ao longo desses anos desenvolveu a sua luta na defesa dos servidores públicos, ou seja, uma grande contribuição para a democracia brasileira”.
w5O secretário-geral da CSPB, Lineu Mazano, destacou que a luta da CSPB não parou no passado e nem pode parar no presente. “Nós na CSPB temos um trabalho harmônico e estamos juntos com as centrais fazendo a luta pelos servidores públicos. A luta que sempre está presente, que sempre é necessária, se naquele tempo enfrentou-se a ditadura militar hoje temos que enfrentar a ditadura do capitalismo”.
w6A Paraíba se fez presente na homenagem do plenário da Câmara dos Deputados, através do vice presidente para Assuntos Internacionais, Manoel Leite, Uyramir Veloso, Diretor Financeiro, Israel Alves, Conselheiro fiscal e Fernando Borges, presidente da FETASP/PB, que aproveitou a oportunidade para dizer que o deputado federal Roberto de Lucena, com esse ato, consolidava os compromisso assumidos com as causas dos servidores públicos que já são defendidas pela CSPB e em seguida ressaltou que a entidade vem inovando na forma de fazer política sindical, utilizando-se do modelo análogo daquela praticado pela organização partidária, quando necessita da governabilidade para avançar nos projetos sociais que vinculam políticas públicas, declarou.
Durante a cerimônia o deputado Roberto de Lucena entregou ao presidente João Domingos uma placa de Homenagem em nome da Câmara dos Deputados, registrando assim a comemoração aos 55 anos da CSPB. Segundo o deputado, a placa em nome do presidente João Domingos Gomes dos Santos confirma um brilhante trabalho à frente da Confederação, “pois este homem é o símbolo da militância pelos direitos dos servidores públicos, e a CSPB possuí importante trajetória de lutas e conquistas em prol dos servidores e de todos os trabalhadores desse país”.

No decorrer de seu pronunciamento, o presidente João Domingos destacou a trajetória da CSPB durante o período de Ditadura Militar e os heróis que fizeram da entidade uma referência de luta e esperança para os trabalhadores, e ainda que a homenagem foi realizada no mesmo dia de mobilização nacional das centrais e trabalhadores. “Hoje é o dia nacional de lutas, por tanto um dia muito especial e uma forma muito especial de luta é ver o poder legislativo, a Câmara dos Deputados, reconhecer a importância e o valor de uma entidade sindical. E aqui espero estar representando uma homenagem ao movimento sindical dos trabalhadores em geral que estão hoje nas ruas levando nossas bandeiras, nossos protestos”.

w7“Talvez não sejam todas as entidades que têm a oportunidade de ver sua história tão rica, tão importante ser defendida pelas próprias autoridades que hoje nos homenageiam, demonstrando com grande surpresa o conhecimento histórico da CSPB. Isso é motivo de orgulho para nós e cada um de nós saímos daqui garbosos com essa constatação”, explicou Domingos.

“A CSPB foi criada em um contexto histórico muito interessante, onde era visível o despertar da consciência de classe do servidor público. A CSPB nasceu como um aparelho do partido comunista e por isso ela tem esse DNA, de uma entidade de cunho socialista, de uma entidade de quadros, internacionalista por que já nasceu com esse conceito da solidariedade internacional entre os trabalhadores e conquistas através de lutas. A CSPB é base de 5 centrais sindicais, e a nossa luta hoje é pela construção de um estado social de direito, pela construção de um mundo melhor”, concluiu João Domingos.
No final da cerimônia o presidente João Domingos prestou homenagem aos presentes com a Comenda "Machado de Assis", que é considerado o pai do sindicalismo no setor público. As personalidades homenageadas foram: Antônio Augusto de Queiroz (DIAP), Hélio de Mello, Carlos Arthur Barboza (MTE), deputado constituinte Geraldo Campos, Mônica Valente (ISP), e o deputado Roberto de Lucena.

Ouça na Rádio CSPB
por Andressa Oliveira
SECOM/CSPB

0 comentários:

Postar um comentário